Manitou cresce no Brasil e fortalece sua presença na América Latina com fábrica em São Paulo

247

Por Pablo Marlon e Severian Rocha

Vinhedo – SP, Agosto, 2016 – No comércio mundial de máquinas e equipamentos, o negócio é para gente grande e com experiência. É seguindo nas linhas das grandes companhias mundiais que atuam neste setor, o Grupo francês Manitou com expertise de 60 anos nas áreas de construção, agricultura, mineração e indústria, entra oficialmente no cenário brasileiro, com a inauguração da sua fábrica, na cidade de Vinhedo-SP.

FUNCIONARIOS MANITOU
Grupo Manitou investiu na qualificação profissional dos funcionários brasileiros, na Itália. Créditos: Divulgação

Na nova planta, com área total de 7 mil m2, a empresa passa a fabricar e vender manipuladores telescópicos, modernos e de alta tecnologia, das marcas, Manitou, Gehl e Mustang, que juntas formam o grupo da companhia. Para atender com qualidade os seus clientes, a empresa montou serviços de pós venda, atendimento aos distribuidores e reposição rápida de peças e estrutura de treinamento, para todo território nacional e países da América Latina. Tudo isso para que o cliente final seja um parceiro da empresa.

Para o Marcelo Bracco, diretor de operações do grupo Manitou no Brasil, o momento é excelente para fortalecer a presença comercial da empresa no país e países vizinhos.

 “A Manitou possui um portfólio de excelentes produtos e atendimento em todo mundo. É reconhecida mundialmente e atua em vários setores produtivos, como: Construção, Agricultura e Indústria. No Brasil, entramos com distribuidores, em 2008, e agora com nossa nova fabrica, esperamos nos tornarmos líderes do mercado nacional em poucos anos”, disse Marcelo.

Manipulador para Construção MT-X 1841. Créditos: Divulgação

Entre, os principais produtos da Manitou, destacam-se a máquina MT-X 1841 – Manipulador para Construção, a MT-X 625 – Manipulador Construção, ambas fortes para o setor de construção civil. O Manipulador Agrícola MLT-X 735, com capacidade de carga de 3.500kg, voltada para o setor agrícola, as plataformas: 100VJR – Plataforma Maestro Vertical, com 9,90 de metros de altura de trabalho, a 200 ATJ – Plataforma Articulada-Diesel, com altura de trabalho de 20 metros e a 280 TJ – Plataforma Telescópica, com 27,75 metros de altura de trabalho e alcance de 21,45 metros de trabalho, ou seja, esta última plataforma, tem um potencial de trabalho e eficiência altíssimo. Podendo atender trabalhos de pinturas, reparos e transporte, em prédios de até 05 andares com rapidez, eficácia e segurança, reduzindo assim, o tempo gasto numa ação tradicional.

Das empilhadeiras, a companhia destaca a MI 25 G  – Empilhadeira Industrial, de fácil manuseio e utilidade, ainda destaca-se a Minicarregadeira Radial 2200 R, com potência de 72HP e motor Yanmar. Ambas podem ser utilizadas em várias áreas fabris.

PLATAFORMAS
Plataformas, com alto desempenho e eficiência para diversos serviços pretende conquistar o mercado nacional. Créditos: Divulgação

Segundo Fábio Miskulin, Gerente de Vendas da Manitou Brasil, dentro da linha de movimentação de cargas a Manitou está bem competitiva.

“No setor de plataformas, não há nenhum outro fabricante, somente a gente. Hoje, existe uma fábrica estruturada Manitou no Brasil, capaz de suportar tanto locadores, quanto clientes finais. Em relação aos manipuladores, somos o primeiro fabricante nacional com FINAME, linha extensa/vasta. Sobre as empilhadeiras, é um mercado mais brigado, para isso este efeito, temos uma um preço competitivo, uma maquina boa”, acrescenta o Gerente da Manitou Brasil.      

Outro executivo da empresa François Piffard, Vice Presidente de Vendas e Marketing Internacional do Grupo Manitou, destacou os números de vendas da empresa. “Em 2015, vendemos 500 mil máquinas, ou seja, essa força comercial da Manitou em outros mercados, como dos USA, Europa e África, é a mesma força que estamos trazendo para o Brasil e América do Sul”.

Em território nacional, a Manitou conta hoje com 60 distribuidores espalhados por diversas regiões do país. E a expectativa dos executivos da companhia, é que essa rede de distribuidores aumente rapidamente em pouco tempo. Durante a construção da fábrica, a empresa contou o financiamento do FINAME, do BNDES. No exterior, a empresa francesa, mantém presença em 140 países e 1.400 concessionários. Se tornando líder mundial em movimentação de cargas.

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.