Prime Revest apresenta: Azulejaria portuguesa inspira revestimentos atuais

196

Com forte relação na arquitetura, os azulejos portugueses estão nos temas escolhidos para estampas

Outubro, 2016 – No passado, em Portugal, um dos materiais que se tornou símbolo cultural e ganhou status de obra de arte foi a azulejaria portuguesa, marcada por decorar igrejas e palácios da época. A partir da popularização da técnica, os azulejos portugueses, hoje estão presentes em muitas residências, empresas e na paisagem urbana.

05-decoracao-arquitetura-porcelanato-azulejo-portugues-biancogres

Gravuras que reproduzem viagens ao Oriente, cenas religiosas, desenhos barrocos da fauna e flora, registram o estilo dos azulejos. As principais cores deles são azul e branco. Osmar Longo, sócio-diretor da Prime Revest explica: “Por meio dos avanços tecnológicos, atualmente no universo dos acabamentos, é possível reproduzir o mesmo visual surpreendente dos azulejos portugueses em um porcelanato polido que traz praticidade e maior durabilidade sem comprometer a estética”.

Um exemplo da azulejaria portuguesa é o kit de peças de 17,5×17,5 cm em nove estampas diferentes, da Biancogres, que permite diversas combinações criativas.

Os formatos dos azulejos portugueses variam desde figuras geométricas, flores, estilos de mandalas e outros. Para os setores de arquitetura e decoração, esses revestimentos podem ser utilizados nos mais diversos ambientes, como por exemplo, cozinhas e banheiros. Não é preciso preencher completamente a parede. Apenas em uma parte, é o suficiente para agregar elegância e transformar o local escolhido.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.