População de São Gonçalo se mobiliza para revitalização de lixão

Limpeza do espaço e criação de canteiro com postos de coleta seletiva motivam estudantes e a comunidade local

0 230

Novembro, 2018 – Nesta sexta-feira e sábado (23 e 24/11) a comunidade de Vila Lage em São Gonçalo, com o apoio do SECONCI-Rio, estará realizando a primeira etapa  da limpeza do espaço onde hoje se localiza um lixão de 3.150 m2 na Avenida Gouveia, em frente à Escola Lúcio Tomé Feteira.  A ideia surgiu a partir do incômodo e da indignação que os moradores da região sentiam em ver o local completamente abandonado e se tornando cada vez mais um foco de doenças e mau cheiro.

Foram meses de tratativas com a Prefeitura de São Gonçalo – que prontamente acolheu a ideia – até que a ação fosse formatada junto aos projetos sócio-educativos “Solo” e “Ecorrauze”, frutos do Edital de Apoio a Pequenos Projetos Vizinho do Bem, realizado há um ano visando resultados eficazes para as comunidades no entorno do empreendimento da MRV Engenharia, o Reserva Solare, em Vila Lage.

Vista aérea do lixão. Divulgação

 A primeira etapa contará com um mutirão de limpeza, das 9h às 17h, do qual participarão membros da comunidade inscritos pela internet, voluntários, passantes e crianças do Ciep 413, escola onde o Projeto Vizinho do Bem já realiza algumas ações.

“Começamos a dar aulas sobre Meio-Ambiente para a comunidade e com o tempo a indignação com a deterioração daquele espaço foi crescendo. Como poderíamos ensinar sobre preservação ecológica e reciclagem se na nossa frente havia um lixão a céu aberto? Resolvemos abraçar a causa, envolvemos vários projetos e a adesão foi enorme” – conta Pedro Pontes, integrante do Projeto Solo que está á frente da revitalização do local.

Depois de limpo, o terreno receberá mudas de plantas e flores, lixeiras de coleta seletiva e um banco de terra (adobe) para a criação de um espaço de convivência. A segunda etapa acontecerá no fim de semana de 30/11 e 1/12, também das 9h às 17h, e além da participação dos moradores, contará com o entusiasmo das crianças do colégio Lúcio Tomé Feteira, que participarão de oficinas de bio-construção e compostagem, ministradas pelos integrantes do Projeto Ecorrauze.

Todas as ações realizadas em Vila Lage irão gerar um documentário dos Projetos do Vizinho do Bem que ficará disponível como fonte de consulta e inspiração para a população.

Os interessados em participar deverão comparecer com vestimentas próprias para a atividade. O Seconci oferecerá água e lanche aos presentes numa tenda montada no local.   A inscrição pode ser feita  através do telefone(21)99820-3529.

Fonte: Imprensa/Seconci-Rio

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.