Novos terminais no Porto do Açu somam R$ 1,5 bilhão em investimentos

207

Evento de inauguração contou com a participação do ministro dos Transportes e representantes dos poderes municipal e estadual, além de executivos do setor

O Porto do Açu inaugurou, na terça-feira (7), três terminais do empreendimento: o Terminal de Petróleo (T-OIL), o Terminal Multicargas (T-MULT) e o Terminal de Combustíveis Marítimos do Açu (TECMA). Os espaços foram abertos à visitação de autoridades e empresários do setor, durante cerimônia de inauguração. Os terminais, que receberam mais de R$ 1,5 bilhão em investimentos, representam o início de novos negócios no porto, diversificando os serviços que já são prestados no empreendimento.

PORTO AÇU OK 2 II IMG_2524
Cerimônia de inaguração dos três terminais do empreendimento: o Terminal de Petróleo (T-OIL), o Terminal Multicargas (T-MULT) e o Terminal de Combustíveis Marítimos do Açu (TECMA). Foto: Prumo Logística

“Hoje é um dia em que celebramos o Brasil que dá certo. E o Porto do Açu deu certo porque é um projeto que tem fundamentos sólidos, com características únicas. Nossa proximidade das bacias petrolíferas de Campos e Santos nos dá uma vantagem competitiva importante para as atividades de petróleo e gás. Além disso, a parceria com governos federal, estadual e municipal, que enxergaram o Porto do Açu como um vetor para o desenvolvimento da região Norte Fluminense, foram e continuarão sendo essenciais para construirmos um empreendimento que já é um marco para a região norte fluminense e para o país”, disse José Magela Bernardes, presidente da Prumo Logística, empresa que desenvolve e opera o Porto do Açu.

Entre os convidados estavam o Ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella; o deputado federal Júlio Lopes, representando o governo do estado do Rio de Janeiro; Marco Capute, secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado do Rio de Janeiro; o prefeito de São João da Barra, José Amaro Martins de Souza; e a prefeita de Campos, Rosinha Garotinho, acompanhada do secretário de governo, Anthony Garotinho.

Representantes da alemã Oiltanking, que possui 20% do Terminal do Petróleo e será a operadora do terminal, e da BP, que detém 50% do Terminal de Combustíveis Marítimo do Açu, também participaram do evento. “Nós temos muito orgulho do sucesso deste terminal e um grande compromisso com Brasil. O Porto do Açu é muito importante para nós”, disse Carey Mendes, Regional Business Leader Global Oil Americas da BP.

O presidente da Shell, André Araújo, afirmou que a petroleira – que é a primeira cliente do Terminal de Petróleo, tem interesse em ampliar suas atividades no Porto do Açu. “O Porto é uma facilidade operativa. Vamos buscar alternativas aqui, como atividades de blending e armazenamento”, disse o executivo.

Durante a cerimônia, o Ministro Maurício Quintella falou sobre a viabilização de projetos de interligação de modais rodoviário e ferroviário com o porto. Um deles é a ferrovia EF 118, que irá conectar os estados do Espírito Santo e o Rio de Janeiro, e a EF 354, que pretende ligar o Porto do Açu e toda a região aos centros consumidores do Sudeste e Centro-Oeste.

“Esse é atualmente o maior porto em área do Brasil. Não tenho dúvidas que logo será também o maior em operação. E nós estamos aqui não só para prestigiar a inauguração, mas para mostrar que o governo está absolutamente atento a esse novo momento e conversar com o setor para cumprir a nossa parte. Não adianta ter só o porto. O empreendimento também precisa de acesso, a gente precisa integrá-lo às regiões produtoras e consumidoras do país. E é para isso que a gente está aqui hoje”, disse o ministro dos Transportes, Maurício Quintella.

O deputado Júlio Lopes, que representou o governador do Rio de Janeiro no evento, reforçou a grandiosidade do empreendimento. “O porto já emprega atualmente 6 mil pessoas e deve empregar muito mais quando estiver operando em sua plena capacidade”.

O prefeito de São João da Barra, José Amaro Martins de Souza, também destacou a possibilidade de empregos gerada pelo empreendimento. “Com a inauguração destes terminais, com certeza teremos mais empregos e investimentos no município de São João da Barra. Neste momento de crise, este é um dia muito feliz para todos nós, ao vermos que o Porto do Açu está em pleno funcionamento e, com isso, trazendo um crescimento muito grande para toda a nossa região”.

Terminais

O Terminal Multicargas (T-MULT) está instalado no Terminal 2 (terminal onshore) do Porto do Açu. Representando uma nova alternativa de escoamento para o Sudeste brasileiro, o T-MULT possibilita o acesso direto de clientes instalados na retroárea a um terminal portuário, desenvolvendo o complexo industrial do porto e concretizando o conceito porto-indústria. Com este conceito, o Porto do Açu traz para o Brasil uma solução integrada que visa atender em um único lugar todas as necessidades dos clientes, oferecendo competividade, serviços com qualidade e reduzindo o risco Brasil.

O Terminal de Combustíveis Marítimos do Açu (TECMA), começou a operar neste mês com a comercialização de combustível marítimo sob a marca BP Marine. Parceria entre a Prumo e a BP, o terminal oferece serviços de abastecimento de combustíveis para embarcações que estiverem no Porto do Açu e clientes operando na região. A operação deste terminal é um marco para o Porto do Açu, que irá se configurar como a melhor opção para abastecimento no estado do Rio de Janeiro.

Já o Terminal de Petróleo (T-OIL), é uma parceria da Prumo com a alemã Oiltanking, que está iniciando suas operações de comissionamento. Com atuais 20,5 metros de profundidade, e expansão prevista para 25 metros, o T-OIL está licenciado para movimentar 1,2 milhão de barris de petróleo por dia e é o único terminal privado no país para operação de transbordo de petróleo. Com 3 berços disponíveis ao longo de 1,4 km de quebra-mar, no terminal serão realizadas operações em área abrigada, que possibilita uma operação segura e rápida, com eficiência e redução de custos para os clientes. O resultado é o aumento da competitividade do petróleo brasileiro. Além disso, a operação no Porto do Açu reúne características de alto nível que oferecem atendimento de qualidade para toda a indústria de óleo e gás.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.