Nova Reforma da Previdência pune trabalhadores, deixa livre militares, juízes e direciona, dinheiro para bancos. Brasil segue ladeira abaixo

0 293

Por Rose Pires 

Fevereiro, 2019 – Se não bastasse uma anomalia total do governo na esfera econômica, corrupção no Partido Laranja e o sumiço do Quieroz, a equipe do Ministro Paulo Guedes apresentou ontem (20), na Câmara dos deputados e no Senado Federal, a tão sonhada Reforma da Previdência, com o argumento de que o projeto da Reforma irá economizar R$ 1 trilhão em 10 anos, levará igualdade é justiça para todos., além de equilibrar o déficit público.

A lógica de estado mínimo e eficiente não parece condicente com alguns pontos da reforma.  Militares, Juízes, Deputados e Policiais, não tiveram propostas apresentadas ontem por quê?

Afinal sé é para economizar, então, inclua todos os trabalhadores, da elite do serviço público aos mais humildes, sem exceção.  Segundo Jair Bolsonaro e Paulo Guedes, o estado brasileiro é muito ineficiente.  Temos que saber para quem o estado é ineficiente? A FORD já se mandou do país, deixando mais de 25 mil demitidos.

Por fim, alguém ouviu falar da geração de empregos pelo governo Bolsonaro?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.