Jogos Olímpicos servem para empresas mostrarem seus produtos para o mundo

283

Rio 2016

Agosto, 2016 Sem dúvida, participar dos Jogos Olímpicos é uma sensação maravilhosa e gratificante para todos. Dessa vez, não são só os atletas saem contentes pelas medalhas alcançadas, as empresas fornecedoras de produtos dos jogos também tiveram papel de destaque. Falamos da Lanxess, tradicional fornecedora de pigmentos inorgânicos para infraestrutura urbana como: arenas esportivas, pontos turísticos populares, ruas e calçadas. Nesta semana, a equipe do Jornal da Construção Civil, entrevistou Maria Barros, representante Técnico de Vendas sênior, da Lanxess, que falou da expertise da companhia em fornecer produtos para grandes eventos esportivos no Brasil e no mundo.

LANXESS
Maria Barros, representante Sênior da Lanxess.

 JCC – O que representa para a Lanxess ter seus produtos utilizados nos Jogos Olímpicos? Em especial no Brasil?

Maria Barros – Reconhecemos a oportunidade de apresentar nossos produtos para atender de forma eficiente o setor de construção dentro dos mais altos requisitos de qualidade. essa também é uma oportunidade do mercado conhecer  a versatilidade dos nosso produtos, além de que os pigmentos inorgânicos da LANXESS levam beleza e sustentabilidade para arenas esportivas, pontos turísticos populares e infraestrutura urbana, como ruas, calçadas, praças, faixas exclusivas e ciclovias.

JCC – É a primeira vez que a empresa fornece produtos para grandes eventos esportivos?

Maria Barros –  Não, no Brasil, por exemplo, fornecemos nossos pigmentos na Copa de 2014 com mais de 120 toneladas para os projetos de arquitetura e infraestrutura como a Arena Dunas, em Natal, Arena Pantanal, em Cuiabá, Maracanã, no Rio de Janeiro, e Mineirão, em Belo Horizonte. Outro exemplo foi à construção do estádio Soccer City em Johannesburg, África do Sul, com uma área de 28.000m² de fachada de painéis de fibrocimento coloridos com nossos pigmentos Bayferrox.

JCC – A Lanxess tem algum projeto para o Brasil após os jogos? Para a indústria da Construção?

Maria Barros – Um dos projetos que estamos trabalhando é intensificar a divulgação das soluções em concreto colorido com os especificadores. Apresentando as vantagens das soluções, já que além do baixo custo com manutenção à cor agrega valor, beleza e caráter aos projetos arquitetônicos.

JCC – Fala-se muito em sustentabilidade. Como a empresa aproveita os jogos Rio 2016 para mostrar ao mundo que seus produtos possuem um foco na questão da sustentabilidade?

Maria Barros – Os pigmentos da LANXESS são sustentáveis desde seu processo produtivo, assim como sua matéria prima, são os únicos pigmentos no mundo que possuem a certificação de conteúdo reciclável do Instituto SCS (Scientific Certification Systems), ou seja com essa certificação  é possível utilizar  Bayferrox® como um fator de cálculo dos pontos nas escalas de classificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) e  também créditos em outras iniciativas de certificação ecológica existentes no mercado. Nos projetos relacionados às Olimpíadas 2016, podemos citar os pigmentos que foram usados nos pisos intertravados, nos pisos autodrenantes do Parque Olímpico e na ciclovia da Vila dos Atletas, garantindo durabilidade, mantendo a cor ao longo do tempo, assegurando a vantagem da relação custo-benefício.

JCC – Qual mensagem da Lanxess?

Maria Barros –  A unidade de negócios Pigmentos Inorgânicos da LANXESS é o maior produtor de pigmentos de óxido de ferro e óxido de cromo do mundo, possui centros de produção nos cinco continentes, atendendo aos mais altos padrões técnicos e ecológicos. Todos os pigmentos Bayferrox® e Colortherm® oferecem qualidade em todas as propriedades químicas e físicas, mas particularmente em relação ao poder de tingimento e constância da cor. A LANXESS é líder em especialidades químicas, com vendas de EUR 7,9 bilhões em 2015. Atualmente conta com cerca de 16.600 funcionários em 29 países.  A companhia possui 52 unidades de produção ao redor do mundo.  O core business da LANXESS é o desenvolvimento, fabricação e comercialização de intermediários químicos, especialidades químicas e plásticos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.