Investimentos em INFRAESTRUTURA ganha força no governo LULA

Diretrizes do programa Lula-Alckmin destacam combate à fome, defesa da Amazônia, retomada do desenvolvimento e democracia

24

Os sete partidos que compõem o movimento Vamos Juntos pelo Brasil – PT, PSB, PC do B, Psol, Rede, PV e Solidariedade – lançaram, durante evento na manhã de hoje, 21, em São Paulo, um documento com as diretrizes que irão compor as políticas de governo para a chapa Lula-Alckmin junto com a contribuição popular. O documento será colocado em uma plataforma digital (programajuntospelobrasil.com.br), onde cidadãos poderão fazer sugestões.

As 121 diretrizes foram elaboradas pela Fundação Perseu Abramo e discutidas ao longo das últimas semanas por uma comissão composta por representantes dos sete partidos, e simbolizam uma união inédita entre as legendas do campo progressista brasileiro, com o intuito de recuperar o Brasil da destruição causada pelo governo Jair Bolsonaro.

“Nós demonstramos uma grande unidade programática, sete partidos constroem esse programa, com a grande colaboração não só das militâncias, mas da academia, dos movimentos sociais, do movimento sindical. Em cima dessas diretrizes, as pessoas vão poder colocar para nós as sugestões, que caminhos devemos seguir, quais são suas propostas para melhorar. É assim que a gente reconstrói o país. A vida do povo é a prioridade. Aqui tem a saída para o Brasil, não tenho dúvida”, disse a presidenta Nacional do PT, Gleisi Hoffmann, abrindo o evento.

Entre as principais propostas acordadas entre os partidos, destacam-se:

  • Urgência no combate à fome e à pobreza;
  • Retomada do investimento, público e privado, para alavancar crescimento e gerar emprego com Estado forte, fim do teto de gastos e retomada do investimento;
  • Combate à inflação e redução do custo de vida, com fortalecimento da Petrobras, retomada das políticas de incentivo à agricultura e estoques reguladores, para reduzir o preço dos alimentos e colocar comida nos pratos dos brasileiros;
  • Defesa da Amazônia, combate ao desmatamento, respeito às leis ambientais e proteção dos povos indígenas, aliado ao enfrentamento das mudanças climáticas;
  • Democracia, justiça, paz, soberania e reinserção do Brasil no mundo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.