Governador do estado de São Paulo visita obra da MPD Engenharia do Hospital Rota dos Bandeirantes em Barueri

Com 370 leitos, sendo 50 deles de UTI, projeto beneficiará mais de 1,8 milhão de pessoas

125

Setembro, 2021 – Durante visita à obra do Hospital Regional Rota dos Bandeirantes, em Barueri, o governador do estado João Dória anunciou que a primeira parte do empreendimento será entregue em outubro de 2022. O projeto, um convênio entre a prefeitura de Barueri e o Governo de São Paulo, prevê que mais de 1,8 milhão de pessoas na região oeste da Grande São Paulo sejam beneficiadas pelo futuro hospital. A construção é da MPD Engenharia – empresa sediada em Alphaville, bairro de Barueri, com 39 anos de atuação -, com muita experiência em projetos hospitalares, como o Hospital de Urgência de São Bernardo do Campo, importantíssimo para a Região Metropolitana de São Paulo, entregue no ano passado.

A obra teve sua operação vistoriada em uma solenidade que aconteceu nesta terça-feira, 28/09, e reuniu também o prefeito de Barueri, Rubens Furlan; o Prefeito de Carapicuiba, Marco Aurélio Neves; o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn; o secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marcos Vinholi; o secretário estadual da Educação, Rossieli Soares; a secretária estadual do desenvolvimento social, Célia Parnes; a deputada federal Bruna Furlan; entre outros deputados, secretários e políticos.

Com 370 leitos, sendo 50 deles de UTI, o Hospital Rota dos Bandeirantes é uma obra de grande relevância, e tem como objetivo atender a população de sete municípios que compõem a região oeste da Grande São Paulo: Barueri, Osasco, Carapicuíba, Jandira, Itapevi, Santana de Parnaíba e Pirapora do Bom Jesus.

Com um projeto arrojado, moderno e com posicionamento estratégico, o complexo contará com mais de 40 mil m² de área construída distribuídos em dez pavimentos. O hospital será equipado com heliponto, oito salas cirúrgicas, 20 poltronas de quimioterapia, além de outros aparelhos de alta complexidade, oferecendo tratamentos com foco nas áreas de oncologia e radioterapia. Uma estrutura completa e de última geração, com previsão de entrega para o segundo semestre de 2022.

Dada toda a sua complexidade, um projeto hospitalar desse porte exige bastante planejamento e experiência. “A construção do Hospital Rota dos Bandeirantes é histórica para a cidade e para a região. O projeto só foi possível, pois teve planejamento e parceria entre os poderes e a inciativa privada. É uma grande honra e responsabilidade para a MPD fazer parte deste momento, principalmente, por causa do impacto positivo que o hospital trará para a população que será beneficiada.”, explica Milton Meyer, CEO da MPD Engenharia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.