Energia solar é solução para driblar aumento na conta de luz durante pandemia

Com a tendência de mais pessoas permanecerem em casa, obter fontes renováveis de energia pode reduzir gastos para empresas e cidadãos em geral

222

Julho, 2020 – A pandemia da Covid-19 exige que milhares de pessoas mudem diversos hábitos em suas vidas, devido às consequências geradas no setor econômico mundial. Com mais pessoas em casa e empresas buscando formas de controlar gastos, a energia solar se torna novamente uma aposta para o mercado em vários segmentos.

Por um lado, o começo da pandemia preocupou muitos investidores. Porém, com o avanço da recessão econômica em outros meios e o aumento na conta de luz, a expectativa é que cada vez mais pessoas recorram a esse meio. O CEO da Amerisolar Brasil, multinacional responsável pela fabricação de painéis solares recém instalada em território nacional, Gustavo Henrique de Almeida, diz que além do aumento atual, é esperado que nos próximos anos a população precise arcar com os efeitos da pandemia nas distribuidoras de energias locais, ou seja, as contas poderão ficar ainda mais caras. 

Gustavo Henrique de Almeida

“Para driblar esse gasto excessivo, é preciso pensar em soluções desde agora para conseguir chegar ao próximo ano e manter o controle pessoal e profissional na geração de energia. A melhor forma de alcançar isso é utilizando fontes renováveis que podem gerar economia máxima em todos os aspectos ligados a esse meio na sociedade”, diz. 

Energia solar conquista empresários e população em geral

Para quem já é adepto do consumo renovável de energia, os resultados são satisfatórios. O modelo pode reduzir em até 95% a conta de energia, além de ser uma opção excelente em longo prazo para preservação do meio ambiente. “E outra boa notícia é que o modelo gera resultados para empresas que precisam se recuperar nesse momento e também para a população que precisará arcar com os gastos domésticos de energia”, completa.

Fonte: Gustavo Henrique de Almeida, CEO da Amerisolar Brasil

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.