Como economizar, de fato, energia elétrica?

Solução universal de gestão e monitoramento de consumo de energia permite a empresas e pessoas físicas controle completo sobre seus gastos na conta de luz

138

“Economizar é só não comprar”, não é uma premissa 100% correta. A economia não está apenas nos itens que compramos em lojas, mercados; mas também naquilo que temos em casa e que gera um desperdício, como por exemplo, a energia elétrica.

Outubro, 2020 – A escolha de lâmpadas certas, apagar as luzes, usar o mínimo possível de ar condicionado e evitar o abre e fecha das geladeiras todas as pessoas já escutaram e muitas aplicam no dia a dia, mas sem um detalhamento do seu impacto na conta a ser paga. Outro agravante, além dos consumidores residenciais, são os comerciais. Quantos comércios que ficaram fechados durante a pandemia que precisam economizar nos mínimos detalhes, para sobreviver nos negócios e manter suas equipes. Daí entra o dilema: como economizar? Com esse cenário em foco, torna-se necessário não apenas uma solução com alta capacidade de entrega, mas também fácil o bastante para que possa ser universalmente adquirida, mediante um custo acessível.

A HomeCarbon Energy Solutions comercializa a solução “ENERGIA DAS COISAS”, que consiste no uso de um aparelho com integração a um aplicativo, também exclusivo, de entregar resultados consistentes em monitoramento de consumo de energia, produzindo dados que são jogados na nuvem em intervalos de poucos segundos e podem ser checados por um aplicativo no celular. “Com o Energia das Coisas o consumidor, seja ele comercial ou residencial, pode programar alertas de variação de consumo elétrico, sabendo qual dia da semana e do mês o consumo foi maior e o porquê”, explica Rodrigo Lagreca, diretor da HomeCarbon Energy Solutions. Segundo ele, o sistema projeta para o consumidor um valor aproximado, a partir do padrão de consumo. “É a real possibilidade de não ter surpresa na conta no final do mês, ajudando a tomar decisões que possam reduzir o consumo de energia, com opções tarifárias de acordo com o perfil de consumo do usuário”, ressalta.

Com a chegada do verão e as altas temperaturas, o uso de aparelhos de ar condicionado, ventiladores e climatizadores são mais frequentes. Utilizando o ENERGIA DAS COISAS o consumidor passa a ser notificado sobre como usar melhor a energia nesses equipamentos de climatização, e até mesmo programar seu ligar e desligar, evitando desperdícios.

Segundo Lagreca, para os comerciantes é uma excelente alternativa e a redução podendo ter uma economia de 10% a 30% ou mais, dependendo do seu engajamento nas ações de eficientização escolhidas. “O mais importante, além da economia propriamente dita, é o consumo inteligente que os colaboradores passam a executar, além de aprender conceitos de eletricidade e aprender os benefícios de comprar equipamentos corretos que possuam o selo PROCEL”, explica. “Além do que, com o aplicativo, o consumidor passa a entender quanto custa o tempo do uso do chuveiro elétrico, do aquecer e descongelar alimentos no micro-ondas, e o custo de se manter o ar condicionado ligado. Quanto mais acompanhar o consumo e notificar o sistema, mais inteligente o monitoramento se tornará e mais ajustado a interpretar o consumo”, enfatiza.

Já para o cliente comercial, o ENERGIA DAS COISAS possibilita a medição separada entre diversas áreas ou equipamentos da empresa, gerando relatórios completos que geram uma análise de parâmetros, como tensão, corrente, potência real, potência aparente, fator de potência, tudo separado por fases e em granularidade que varia de dia, hora, minutos e até segundos, possibilitando o controle total dos custos energéticos da empresa.

“O ENERGIA DAS COISAS possui um impacto positivo para sociedade e consumidores, garantindo o acesso amplo, tanto a residências quanto a empresas, ao monitor a custos acessíveis, possibilitando que todas as classes sociais se beneficiem com a solução, e passem a ter um consumo consciente da energia”, finaliza Lagreca.

O produto ENERGIA DAS COISAS está disponível para venda no site www.energiadascoisas.com.br. Para instalação, a recomendação é que seja realizada por técnico certificado pelo NR10.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.