“Blitz Legal” da Light encontra mais de 70 irregularidades na Barra da Tijuca

221

Caça aos “gatos” de energia contou com mais de 200 profissionais. A operação resultou ainda em quatro registros de ocorrência.

A Light realizou, nesta quarta-feira (30/03), uma “Blitz Legal” de “caça aos gatos de energia” na Barra da Tijuca. A ação contou com equipe de mais de 200 profissionais da Light e apoio da 16ª DP, Delegacia local da Barra da Tijuca. A operação, com ponto de encontro na Praça São Perpétuo (Praça do Ó), na Av. Lucio Costa, detectou mais de 70 irregularidades no consumo de energia. Foram realizados 4 Registros de Ocorrência na 16ª DP, sendo estes em duas farmácias e duas residências de grande porte. O gerente e o supervisor de uma das farmácias foram conduzidos à Delegacia para prestar esclarecimentos. Os responsáveis pelas outras unidades consumidoras serão convocados pela polícia para depor.

LIGHT
“Blitz da Light encontrou mais de 70 irregularidades na Barra da Tijuca-RJ. 

Durante a operação, a empresa disponibilizou uma Agência Móvel para prestar serviços diversos aos clientes como, por exemplo, atualização de dados cadastrais, mudança de titularidade, 2ª via de conta, entre outros.

O Superintendente de Recuperação de Energia da Light, Rainilton Gomes, afirma que o furto de energia afeta tanto quem faz “gato” como quem paga suas contas em dia:

Este tipo de crime amplia a probabilidade de interrupções no fornecimento de energia, pois causa sobrecarga na rede elétrica. E além disso, as irregularidades ainda oneram a conta de luz em 17% pelo repasse do que é furtado.

A Light ressalta que o furto de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal, com pena de até oito anos de prisão, e pode ocasionar acidentes fatais, além de incêndios e danos à rede elétrica.

A companhia vem investindo em processos convencionais de inspeções de fraudes, modernização de rede e sistemas de medição. Desde o início de 2016, foram feitas cerca de 6 mil regularizações de clientes irregulares e o número total de medidores eletrônicos instalados chegou a mais de 800 mil. 

Fonte: Assessoria de Imprensa Light-RJ

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.