BIM em destaque no 90º ENIC: Decreto presidencial inaugura política para democratizar o uso do BIM

0 133

 

Maio, 2018 – O governo federal publicará o decreto que cria a Estratégia Nacional para a Disseminação do Building Information Modeling, o BIM. O documento está assinado e o anúncio foi feito pelo ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Marcos Lima, durante solenidade de abertura do 90 Encontro Nacional da Indústria da Construção (ENIC), realizado na noite da quarta-feira, em Florianópolis (SC). Essa medida tem por objetivo disseminar e induzir a democratização do uso desse conjunto de processos construtivos em todas as obras e projetos realizados pelas diversas esferas do governo federal. O decreto estabelece metas de redução dos custos da construção em 9,7% e de aumento da produtividade em 10% caso a adoção dos processos BIM pelas empresas se multiplique por dez, num prazo de 10 anos. Alcançadas, essas metas poderão render acréscimo projetado de 28,9% no PIB da indústria da construção. “É tudo o que o gestor busca, inclusive no setor público”, discursou o ministro Marcos Jorge.

ebaarquitetura.com.br

A assinatura do decreto é passo decisivo para a democratização do uso do BIM, inovação tecnológica que revoluciona o processo construtivo, objetivo estratégico da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). Articuladora da medida junto ao governo federal, a CBIC tem trabalhado em correalização com o SENAI Nacional para garantir que empresas médias e pequenas também adotem o BIM nos seus empreendimentos e projetos, com vistas a conquistar mais produtividade, transparência e economicidade. “O governo federal, como grande cliente, têm o poder de induzir o uso do BIM por todo o mercado. Haverá um ganho significativo de gestão, transparência e produtividade. Isso interessa a todos”, diz José Carlos Martins, presidente da CBIC.

Promovido pela CBIC e realizado pela Associação dos Sindicatos da Indústria da Construção Civil de Santa Catarina (ASICC), o 90 ENIC traz como tema “Inovar e crescer, construindo um país melhor”. A solenidade de abertura contou com a presença do presidente da República, Michel Temer, e uma comitiva de autoridades. Além do titular do MDIC, estiveram em Florianópolis os ministros das Cidades, Alexandre Baldy;; do Planejamento, Orçamento e Gestão, Esteves Conalgo; do Trabalho, Helton Yomura; e do Turismo, Vinícius Lummertz. Presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Dyogo Oliveira, também acompanhou o presidente.

“As portas estão abertas e o caixa está cheio”, disse o presidente do BNDES, informando aos empresários da construção que o banco tem interesse em aumentar o fomento a projetos do setor. Dyogo Oliveira anunciou mais rapidez no processo de concessão de crédito e a estruturação de uma área específica para análise de projetos de infraestrutura dentro do banco.

Fonte: Imprensa/CBIC – 90ºENIC

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.