9ª Jornada Brasil Inteligente

207

Debate acontece na próxima sexta-feira, em São Paulo. Na programação, destaca-se a apresentação da logomarca do projeto Brasil 2022: O País que queremos, desenhada pelo arquiteto e designer Ruy Ohtake.

No próximo dia 1º de julho, a partir das 9 horas, a CNTU realiza, em São Paulo, a 9ª Jornada Brasil Inteligente, que terá como tema o projeto “Brasil 2022: o País que queremos”. Na pauta da atividade, discussões sobre economia, cultura e política, visando um salto socioeconômico, cultural e científico tendo o bicentenário da Independência como norte.

Duas comemorações em 2022, o Bicentenário da Independência do Brasil e 100 anos da Semana de Arte Moderna, colocam desde já a questão fundamental dos destinos do País: a necessidade de conquistar o alargamento e aprofundamento da democracia e desenvolvimento nacional. O projeto Brasil 2022 é ato catalisador das potências criativas e vitais do País.

“Mais do que comemorar, com o Brasil 2022, a CNTU pretende mobilizar a força simbólica desses dois acontecimentos. Unir as potências dos profissionais universitários com todas as demais potências criativas da ciência, tecnologia, inovação, das artes, da filosofia, da literatura, da educação. Enfim, unir as forças da cultura, respeitando-se as características de cada uma, mas proporcionando o diálogo, a interação entre elas, por um mundo melhor, pelo país que queremos e podemos produzir”, avalia Allen Habert, diretor de Articulação Nacional da CNTU e coordenador do evento.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores Liberais Universitários Regulamentados (CNTU) é uma entidade representativa que reúne quatro federações e 56 sindicatos filiados. Com o projeto Brasil 2022, a confederação atua na criação de uma rede de parceiros e num conjunto de orientações iniciais para formular questões e respostas sobre as profissões universitárias e sobre o sindicalismo dos profissionais universitários.

Esse panorama e perspectivas entram em debate no evento. Duas mesas-redondas, abordando soberania, cultura, política e economia rumo ao País que queremos, e a plenária do “Conselho das 1.000 cabeças” compõem agenda da atividade.

Programação

9h – Sessão de abertura

9h30 – Apresentação da logomarca do projeto Brasil 2022: O País que queremos

Ruy Ohtake, arquiteto e designer

10h – Mesa-redonda “Soberania e cultura rumo ao Brasil 2022”

Allen Habert, engenheiro, diretor da CNTU

Ceci Juruá, economista, conselheira consultiva da CNTU

Isa Grinspum Ferraz, socióloga e cineasta, diretora cultural da Fundação Darcy Ribeiro

Jorge Antunes, compositor e maestro, professor titular da Universidade de Brasília (UnB)

14h – Mesa-redonda “Economia e política rumo ao Brasil 2022”

Carmen Cecilia Bressane, advogada, integrante da Auditoria Cidadã da Dívida

João Guilherme Vargas Netto, analista político, consultor sindical da CNTU

Odilon Guedes, economista, diretor da CNTU

16h – 9ª Plenária do Conselho Consultivo da CNTU, o “Conselho das 1.000 Cabeças”

Posse dos novos Conselheiros Consultivos

Depoimentos dos conselheiros sobre “Ciência, tecnologia, inovação, educação  e  cultura  rumo  ao  Brasil  2022”

18h – Encerramento

Mais detalhes do evento:

9ª Jornada Brasil Inteligente

Data: 1º de julho

Hora: 9h às 18h

Local: Auditório do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (SEESP) – Rua Genebra, 25 – Bela Vista – São Paulo

Informações e inscrições: atendimento@cntu.org.br e cntu@cntu.org.br

O evento é gratuito e terá transmissão online pelo site da CNTU (www.cntu.org.br).

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.