Destaque: Beleza e arte que vêm do lixo

0 629

A exposição fotográfica Eu Catador – o olhar dos catadores sobre o cotidiano do trabalho – traz imagens tiradas pelos trabalhadores do Aterro Controlado do Jóquei Club, o lixão da Estrutural (DF), a partir de seus celulares.

CATADORA
Exposição Eu Catador – o olhar dos catadores sobre o cotidiano do trabalho. Divulgação

Dezembro, 2017 – A mostra apresenta a realidade e cotidiano dos catadores do maior lixão a céu aberto da América Latina. Um retrato sensível do mundo real de milhares de profissionais que ressignificam a cadeia da reciclagem por meio do trabalho e sobrevivem à margem do sistema com as sobras da modernidade.

Mais de 5 mil pessoas já viram as obras, expostas em locais como: Supremo Tribunal Federal (STF), Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Galeria A Casa da Luz Vermelha (Kazuo Okubo), Universidade de Brasília (UnB) e no Encontro Nacional do Cataforte, em São Paulo.

De 11 a 13 de dezembro, a exposição fotográfica estará presente na 8ª edição da Expocatadores 2017 – evento anual que fomenta o debate, a participação, o aprendizado e a troca de experiências sobre resíduos sólidos e educação ambiental no Brasil.

Para Isabela Coelho, idealizadora da mostra fotográfica, este trabalho é o retrato de “milhares de pessoas tidas como invisíveis para a sociedade, que transformam lixo em matéria prima e geram renda a inúmeras famílias no Distrito Federal”.

Galeria de imagenshttps://www.flickr.com/photos/133379618@N07/sets/72157674274638765/

Evento: Exposição Eu Catador – o olhar dos catadores sobre o cotidiano do trabalho

Data: 11, 12 e 13 de dezembro

Horário: 8h às 19h

Local: Centro de Convenções Ulysses Guimarães/ Eixo Monumental

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.